sábado, 30 de julho de 2016

FIM de SEMANAAA

Sexta à noite??? - sim!!
Fim de semana?? - YUPI!!
O Tempo mais longe da segunda-feira?? - sim!!
Despertador ligado?? - não!!
Qual a depressa?? - nenhuma!!
Há Tempo?? - sim!!
Há Espaço?? - sim!!
Há Silêncio?? - depende ;)

Derrama a Coca Cola
e vamos lá gozar o fim de semana.
Que na segunda voltamos a dizer Bom dia aos colegas
Tudo bem? ... tudo bem ...
Como vai? ... vamos indo ...

Às vezes não sei se somos descendentes dos que descobriram Ceuta, o Caminho Marítimo para a Índia, dobraram o cabo do Bojador e descobriram o Brasil.

Que comodismo,
que lei do menor esforço,
que amorfismo ...


Vamos lá saltar,
pular,
correr,
rir,
partir o caneco,
extravasar,
soltar amarras,
encher o peito de ar
e o rosto de um sorriso :)

Um BOM FIM de SEMANA PARA TODOS!!

quarta-feira, 27 de julho de 2016

LISBOA: MAMÃ PATA

Aqui num dos cantos mais silenciosos do Parque das Nações mora um grupo de patos, num pequeno lago, com lindos Nenúfares.




Aqui conheci a Mamã Pata. Muito prazer, como vai?? ;) ;)

Não me foi apresentada, lol
mas sou amiga dela.
A nossa amizade é únivoca ... é pena ... ;) ;)
mas ela não entende como a aprecio.

A Mamã Pata e o seu filhote fofinho.
Que ternura ...
E o fofinho é tão querido.
Que quadro mais encantador.


O patinho fofo nada no lago e percorre-o várias vezes, de um lado para o outro, e até já faz umas aterragens dentro de água .... mesmo à pato. :)
Enquanto isso,
a Mamã Pata não sai da margem, com olhar atento vigia-o dos perigos maiores, deixando-o fazer umas aventuras pouco perigosas ... é o precesso de aprendizagem.

Quando o perigo espreita a Mamã Pata põe-se em fuga levando o seu patinho consigo e sempre próximo dela.


Ao fim do dia lavam as penas e lá vai a Mamã Pata colocar o seu patinho na parte mais segura do lago.
Pela caminhada ela pára sempre que ele se distrai pelas margens do caminho.
E lá chegam à entrada mais bem camuflada para a toca mais bem escondida do lago.




E ela fica de vigia.

terça-feira, 26 de julho de 2016

LISBOA: ENTARDECER



Ao entardecer no Parque das Nações,
tudo fica mais calmo e silencioso.
O sol põe-se formando um horizonte rosa.

As conversas e gargalhadas são substituidas pelo som de fundo de uma imensa calma que nos enche de paz e nos faz descontrair.
As gentes foram-se ... passa um de quando em vez, um turista talvez.
Alguns que correm de telemovel no braço ... aparecem e logo desaparecem.

O Rosa sobre a ponte dá uma tonalidade feminina à paisagem.
O sol foi-se e dá lugar às luzes que se acendem para iluminar o recinto, os focos indiretos, a meia luz ...
E ao parque chega o romantismo da noite ...

sábado, 23 de julho de 2016

LISBOA: POKEMON GO

PokeStops no Parque das Nações

Ao atingir o Parque das Nações saindo pelo Centro Comercial Vasco da Gama encontrámos logo um casal encostado ao gradiamento com telemóveis na mão em posição de Pokémon. Apanhados!! Já vimos dois ... hum ... não estamos sós. Afinal isto é popular ;)

Vamos lá procurar os PokeStops cá do sítio.

Parque das Tágides está com Lure!!! Yupi!!! Vamos até lá.



 Ao chegarmos ao Parque das Tágides olhámos à volta e não estavamos nada sozinhos, muitos mais estavam a caçar os bichinhos simpáticos.
A sombra das árvores, os bancos e muros faziam daquele PokeStop um local agradável para se passar umas horas a jogar Pokémon.
Pois ... eu digo umas horas ... porque na realidade este foi hoje o PokeStop do Parque das Nações mais concorrido.
Passado algum tempo já o pessoal falava uns com os outros, já sabiamos quais os Pokemons que existem em Beja, Amadora, Sintra e até Oliveira de Azeméis. Bom ... vem gente de todo o lado ... parece que o Parque é famoso por ter muitos bichinhos virtuais a passear, lol

Aprendemos muito, trocámos experiências, técnicas de jogo, truques, etc ..
E ficámos a saber que é mesmo preciso andar por todo o país para conseguir mais tipos de Pokemons, e que mesmo assim não se conseguem ter os 151 todos, porque alguns não existem em Portugal, é preciso caminhar noutros continentes.


Mas enquanto estavam absorvidos na caça aos bichos a água do rio ia subindo e as aves iam voando para outros locais.












Os outros PokeStops do Parque das Nações tinham muito menos gente, embora muitos deles também tenham sombra e sítio para sentar.
Ainda fomos até à Marina, ao vulcão do Casino, estátua frente ao Centro Comercial e estátua junto ao Pavilhão de Portugal.



Ficou a memória de um dia de super calor passado no fresco da sombra dos pinheiros, a fazer algo diferente do comum.


E aqui fica o registo de quem vive num dos cantos mais escondidos e Silenciosos do Parque das Nações, onde os Pokemons ainda não chegaram.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

LISBOA: MIRADOURO

Miradouro São Pedro de Alcântara


Saio na paragem de metro Largo do Rato e caminho pela Rua da Escola Politécnica.
Passo o Jardim Botânico e o Principe Real, o Pavilhão Chinês e atinjo a rua Sâo Pedro de Alcântara, e lá está ele, o jardim São Pedro de Alcântara.
Aqui localiza-se um dos miradouros mais emblemáticos de Lisboa. Aqui, junto ao Bairro Alto e sobranceiro à Avenida da Liberdade.



Aqui, junto ao elevador da Glória, que faz o percurso desde lá de baixo da Avenida da Liberdade e vem subindo a colina de S. Roque.


Com vista sobre o Castelo de S. Jorge e metade das Colinas de Lisboa, a paisagem também contempla a Sé, a Igreja da Penha de França, a igreja da Graça, ...  o olhar perde-se sobre o rio ... ao longe, imenso ... num horizonte longínquo.
As vistas, as sombras, os bancos, as mesas de merendas e o quiosque com esplanada, fazem deste local um espaço bastante agradável.

Junto ao binóculo existe um mapa em azulejo que ajuda a identificar as várias zonas da cidade, que fazem parte da paisagem.


No socalco debaixo reina o Silêncio, com a mesma vista sobre o castelo, mas com o perfume de um pequeno jardim embelezado com algumas estátuas de figuras históricas. Ao entardecer é a hora em que o socalco conquista mais adeptos. E o seu quiosque-café é o lugar mais calmo para se refrescar.





No andar de cima, que se atinge ao chegar ao miradouro, a multidão enche o gradiamento para tirar uma foto, muitas fotos ... uma selfie com castelo no horizonte. 
A esplanada está cheia de gente que ri e conversa ... alheados das gentes que afluem para ver uma das mais amplas vistas sobre a cidade das 7 Colinas (São Jorge, São Vicente, São Roque, Santo André, Santa Catarina, Chagas e Sant’Ana).


CARRO AVARIADO

Posso gritar???
Não, que incomoda os vizinhos.

Posso meter-me no carro, dar um giro e gritar sozinha???
Não, que o carro está AVARIADOOOOO

Bom ... só me faltava mais esta chatice ... e logo em tempo de férias ... já não posso fazer uns kilómetros pelo país fora e apanhar uns Pokemons.
Oh, mas que porcaria.

Não posso gritar!! .... bom ... vou escrever, escrever, escrever ... e divagar.

Mas a luz é amarela e não pisca. Se eu consultar um engenheiro, ... sim ... um engenheiro daqueles que sobe escadotes para chegar ao topo dos bastidores e mudar umas cartas e ligar umas fibras quando os moços auxiliares estão de férias, ou foram fazer um exame escolar e por isso faltaram ao emprego ...
... pois, um desses engenheiros, habituados a ver os leds nos equipamentos ... um desses "gajos", diria que ser amarelo é melhor que vermelho.

O melhor é consultar amanhã a oficina da marca.

Ou será que faça como a minha Amiga engenheira, que foi um dia destes buscar as filhas a uma festa a altas horas da noite, e o carro não funcionou no regresso ... e ela disse para as filhas:

- vamos sair e entrar outra vez
- meninas, tudo para a rua
- e fechar as portas
lol, lol, lol, ... 1000 x lol

E o mais cómico é que entraram, e o carro funcionou!!! ... 10K x lol

COISAS

As coisas têm diferentes significados consoante os olhos que as olham,
e consoante o momento Temporal em que são olhadas.
Autor: Eu

Yupi!!!
Fixe!!
Que surpresa tão boa ... tão pequena ... tão leve ... e com tão pouco valor material ... mas com tanto significado.

Porquê julgar alguém por uma coisinha menos boa proferida algures no Tempo ...
em comparação com tantas coisas boas que a pessoa já foi e já nos fez.
Porquê?
Se todos erramos ...
e se vivemos num mundo imperfeito.

terça-feira, 19 de julho de 2016

POEMA


E que tal este poema de Fernando Pessoa?
Vai umas Pipocas enquanto se lê o poema??? lol, lol, lol, lol, lol

"Os meus amigos são todos assim: metade loucura, outra metade santidade.
Escolho-os não pela pele, mas pela pupila, que tem que ter brilho questionador
e tonalidade inquietante. Escolho os meus amigos pela cara lavada
e pela alma exposta.
Não quero só o ombro ou o colo, quero também a sua maior alegria.
Amigo que não se ri comigo, não sabe sofrer comigo.
Os meus amigos são todos assim: metade tontice, metade seriedade.
Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.
Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade a sua fonte de aprendizagem,
mas lutam para que a fantasia não desapareça.
Não quero amigos adultos, nem chatos.
Quero-os metade infância e outra metade velhice.
Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto,
e velhos, para que nunca tenham pressa.
Tenho amigos para saber quem eu sou, pois vendo-os loucos e santos, tontos
e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que
a normalidade é uma ilusão imbecil e estéril"

sábado, 16 de julho de 2016

O MEU PALACIO


Como se chama uma construção com muitas janelas e várias portas???
Será que é um Canastro? ;) ;)

Imaginemos as janelas de um PALACIO,
e demos nomes a elas:
  1. janela EU (Espaço e Tempo para mim)
  2. janela AMOR
  3. janela FAMILIA
  4. janela AMIGOS
  5. janela PROFISSÃO
  6. janela MUNDO
  7. janela ...
Um palácio bem construído tem Espaço para todas estas janelas.
Por vezes, umas janelas estão mais abertas que outras ...

Mas ... quando alguma janela se fecha há que investir na abertura de algumas outras,

para que a vida no palácio continue e haja felicidade,
para que haja iluminação à noite e imane um perfume agradável ao cheiro,
para que se oiça a melodia que vem de dentro e reine a paz e a harmonia,

... no "PALACIO" ...

quinta-feira, 14 de julho de 2016

NISTAGMO

Ontem recebi um mail de um amigo, que me conta algo muito triste:

"... A minha irmã vomitou ontem à saída da consulta de oftalmologia da minha sobrinha ...tem 9 meses e ainda não se senta nem gatinha...
tem nistagmo nos 2 olhos. 
É incurável.
Ela nunca vai poder ver nenhum rosto nem tirar a carta de condução e em aulas irá ter imensa dificuldade em ver o quadro ou escrever...terá que se submeter a operações em ambos os olhos periodicamente à medida que os olhos sairem do sitio...em suma estamos todos em choque...e a minha irmã está inconsolável...e como se não bastasse desde que regressou ao trabalho que lhe fazem a vida negra... "

Mas será que é mesmo incurável???

Amigos,
alguém com mais tempo que eu,
me ajuda a pesquisar sobre esta doença por favor.

Será que não existe tratamento? Algo inovador fora ou dentro do país ... Fundação Champalimaud tem tratamentos inovadores, mas acho que é só para casos de cancro.

domingo, 10 de julho de 2016

PORTUGAL

LINDOoooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo!!!!!!!!!

SIMPLESMENTE SIMPLES

O acordar sem despertador,
o pequeno almoço com calma,
a luz da vela,
o relógio que parou no Tempo,
o silêncio do lar,
o conforto e o íntimo.

O faço por mim,
ao meu gosto e à minha responsabilidade.
O meu escadote improvisado,
simples e funcional,
perfeito no Espaço ... uso e desaperece.
A intimidade de um chá
bebido à lareira ...
lareira imaginada,
num momento calmo,
festejando o entardecer.
O silêncio e o fresco da brisa que nasceu.
Tudo tão simples,
tudo tão calmo.

quinta-feira, 7 de julho de 2016

CHEIRO


Percorro a cidade, entro em frutarias, floristas, perfumarias, ...
percorro jardins, parques e avenidas.

Mas hoje sou surpreendida por um cheiro diferente,
Um cheiro forte e intenso,
Um cheiro natural, virgem e autêntico

Um cheiro que não cabe no enquadramento citadino,
Um cheiro muito diferente de Chanel 5,
Um cheiro rude quando comparado ...
Mas um cheiro que me fez parar.


Páro e olho ao redor,
Onde está a figueira (árvore de fruto)???

quarta-feira, 6 de julho de 2016

GOLOOOOO ...


GOLOOOOO
GOLOOOOOOOOOO

BOM HUMOR

Estejas bem ou mal, 
triste ou alegre.
Com problemas graves ou menos graves.
Sozinho ou acompanhado,
Reforço: até mesmo sozinho.

O bom humor é arma que triunfa

embeleza qualquer rosto :)

Rir sozinho é de loucos ... será?
Mas ser-se louco é muito bom e saudável ;)

Louco é sinónimo de jovem?
Ou jovem é sinónimo de louco???



domingo, 3 de julho de 2016

DOCINHOS


Os meus docinhos, acabei de os fazer. Não têm muito bom aspeto pois não??

ah ah, fiz de propósito, lol, assim sobram para mim ;)

Os meus docinhos são como as pessoas:

não valem pelo aspeto.

sábado, 2 de julho de 2016

STRADIVARIUS

STRADIVARIUS é o nome em latim dado ao instrumento musical denominado em português por Estradivário.

Stradivarius é um violino especial,
construído de forma especial,
que só a família Stradivari o sabia fazer. Por isso são peças especiais de valor especialmente "especial" ;)

Stradivarius é hoje uma relíquia, uma peça de coleção.

Na imagem não temos nenhum Stradivarius, como é óbvio, mas temos uma pequena orquestra de gente muito jovem, que fazem as delícias da assistência que os viu nascer, e os "aplaude" e os incentiva.


Conta a história:
que estava um Stradivarius na montra de uma loja de música.
E um senhor, violonista, todos os dias ia apreciar tão belo instrumento, e ficava muito tempo em frente àquela montra.

Um certo dia o senhor foi ver a montra, como de costume, mas não encontrou a sua preciosidade.
Oh!!!...
O violono tinha sido vendido a um colecionador, que o colocou na montra do móvel de sua casa.

Nesse dia o nosso violinista entrou na loja e perguntou pelo Stradivarius. O vendedor indicou-lhe a nova morada da relíquia.

O Violinista foi visitar o Colecionador.
V: - Desculpe, posso apreciar o violono que o senhor recentemente adquiriu para a sua coleção?
C: - Claro que pode, ele está ali na montra do móvel principal da minha coleção.
V: - Fica muito bem na sua coleção.
C: - Se o senhor quiser pode tirá-lo para fora, para o apreciar melhor.
V: - E posso tocar um pouco?

A história continua, e diz-nos que o violonista tocou encantadoramente naquele instrumento especial, onde a música soa ainda melhor.

E o colecionador encantado com tão belo som,
resolveu oferecer aquela peça caríssima
a quem lhe sabia dar uso.