segunda-feira, 31 de outubro de 2016

PORTO: ENTARDECER II

Porto

São vários os kilómetros que podemos percorrer à beira de água.
São várias as esplanadas em que podemos sentar, tomar uma bebida e contemplar a vista.
São muitas as aves que esvoaçam.
São muitas as gaivotas que pousam na areia,
é muito o som que produzem.
São muitas as ondas que batem nos rochedos.
E é forte, o cheiro a maresia.

Aqui, há som e cheiro.

Porto

Porto
Porto
Porto

Porto

Porto

domingo, 30 de outubro de 2016

ZOO SANTO INACIO

"Hoje" vamos acordar cedo para ir ao Zoo.

Para início temos um autocarro gratuito que nos vem buscar ao hotel ... fixe!!! Isto está a começar bem :)

Chegámos ao Zoo. E agora??
Começámos por analisar o mapa e o horário das atividades ... 
opssss .... afinal há muita coisa para fazer aqui!!! 

Vamos lá dar a primeira corrida que a Alimentação dos Leões Asiáticos já está quase a começar. E este é o famoso local que vem na Net ... o famoso tubo de vidro com os leões por cima dos visitantes.

Chegados ao local, ficámos junto ao grupo que ali estava sentado nos bancos.
Mas ao dizer Bom dia .... opsss .... o leão está mesmo aqui por cima da minha cabeça .... por isso estavam todos tão calados ... hum...
Realmente é imponente, todo o seu porte ... 
e se o vidro quebra ???? ;)

Porto - Zoo Santo Inacio

Porto - Zoo Santo Inacio

E os pinguins?? Já está na hora! 
Mais uma corrida, para ouvirmos toda a palestra.

Porto - Zoo Santo Inacio

E as lontras??

Porto - Zoo Santo Inacio

As  demonstrações diárias de Aves de Rapina têm aves diferentes. Lá fomos nós às duas.

O horário das atividades preenche-nos o dia todo, ficando os intervalos para as visitas aos outros habitantes do Zoo.

Porto - Zoo Santo Inacio

De  mapa na mão seguimos até ao insetário. Um local escuro onde é muito divertido descobrir onde anda cada animal, especialmente os insetos-pau.

Na estufa tropical cumprimentámos o nosso amigo papagaio, que poisou para a foto. Tudo bem?? :)

Porto - Zoo Santo Inacio

Este zoo não tem teleférico nem comboio, mas tem pessoas com Tempo.
Pessoas que nos fazem olhar um Zoo com outros olhos.
Pessoas que têm Tempo para nos dedicar do seu Tempo.

Pessoas que nos ensinam que um Zoo não vive isolado, mas que faz parte de uma cadeia de Zoos. E que em conjunto desempenham um papel muito importante na conservação das espécies. Um trabalho de análise e acompanhamento dos habitats, que tem por objetivo final o repovoamento de certos locais onde as espécies estavam em extinção.

E por fim a parte mais ternurenta do dia,
e o que mais nos surpreendeu:

Os Cães da Pradaria andam à solta pelo Zoo. 

Porto - Zoo Santo Inacio

E são tão queridos e tão fofos que até dá vontade de acariciar (embora segundo as normas não se deva fazê-lo ... mas só vimos as normas depois da foto ... opsss)

Porto - Zoo Santo Inacio

E já são 18h e o autocarro já deve estar à nossa espera para nos levar até ao El Corte Inglés de Gaia (oferta do Zoo).
Muito obrigado!!

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

PRECIOSO

Estamos no ano 2016 depois de Cristo.
A distância entre a Terra e a Lua é de 384 400 Km.
O nosso planeta mede um perímetro de 40 000 Km.

O dia tem 24 horas
O ano tem 365 dias.

A esperança média de vida em Portugal ronda os 80 anos.

E o meu Tempo,
o meu pouco e escasso Tempo,
é precioso.

E tão raro,
que se torna um luxo.

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

METADE do MÊS

Esta segunda metade do mês é bem mais Silenciosa que a primeira.

E está quase a chegar o próximo início de mês,
e lá vêm os carros todos,
e as filas intermináveis,
os apitos e a falta de paciência.

Posso ir trabalhar só depois do dia 15???? Lol lol

terça-feira, 25 de outubro de 2016

NÃO OLHAR

Não olhar para trás,
não olhar para a frente,
não olhar para dentro, 
não olhar para os outros.


A galinha passou mas nós não a vemos por causa das penas.
As pessoas passam mas nós não as vemos.
Não vemos a sua dor,
por causa das penas ...

sábado, 22 de outubro de 2016

ALENTEJO: PEGO do ALTAR


Desta vez  a caminhada foi dentro de água :) .... oppsssss .......... 
o Google não engana ;)

Não ficámos molhados mas caminhámos num braço da Barragem Pego do Altar, que no Verão costuma ficar seco. Segundo os guias nos informaram todos os Invernos a barragem enche e todos os Verões há uma parte que fica seca. Grande parte da água que ali falta é utilizada para alimentar os arrozais da região de Alcácer.

Devido a este estado de seca a paisagem torna-se diferente e com umas cores fora do comum, tipo deserto.








No  céu os bandos de pássaros descrevem formas geométricas.
E não passam despercebidos.
Em grupos, uns de cada vez e todos ao mesmo tempo, vão olhando e vendo, parando e comentando:

- Serão patos??
- Serão grus??

Alguém sabe?? Alguém conhece??
Alguém tem zoom suficiente para os fotografar???

Pesquisei em livros de aves e concluí que se tratam de Galeirões-comuns. Pois são pretos, e têm voar de pato mas não são patos.

Pelo caminho também encontrámos alguns animais que pastavam em liberdade.
Não faltando os famosos porquinhos pretos alentejanos.


E até passámos por dentro de uma quinta, que nos receberam com grande ... hum.. os cães não estavam nada simpáticos.
E os perus até nos viraram costas... que mal educados!!! lol


E fomos conversando e andando ... 


E para trás ficou uma manhã muito bem passada,
com o grupo Amigo que também aprecia os bandos no céu.


A Barragem Pego do Altar localiza-se geograficamente entre Alcácer do Sal e a vila das Alcáçovas.


Os  seus braços são longos, prolongando-se até próximo de Alcáçovas, na zona designada por Vale Figueira.

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

sábado, 15 de outubro de 2016

ALENTEJO ESCONDIDO

Uma pessoa,
duas pessoas.
Um kayak,
dois kayaks.

Era uma vez duas pessoas,
loucas mas muito loucas ;)
perdidas no Tempo e no Espaço.

O "Silêncio":
- eram os gritos das Garças Cinzentas que teimaram em nos acompanhar em todo o percurso
- o bater das asas das aves que assustámos com o barulho do nosso remar
- o qua, qua dos bandos de Patos e dos Galdeirões-comuns
- o estalido das Carpas a saltarem fora de água
- os pius agudos dos Maçaricos-das-rochas, que saltitavam nas margens

Remámos, remámos,
remámos até ser noite.
Contemplámos o pôr do sol e voltámos de noite, 
com o primeiro astro a aparecer no firmamento,
e com as ondas que nos salpicavam o rosto.

Chegámos com os som das cigarras e das rãs a coaxar.
Chegámos de noite,
de uma longa aventura neste Alentejo escondido.









Para trás ficaram os paus que amámos e as fotos que tirámos.
Para trás ficaram as aves que nos acompanharam e as que assustámos.
Para trás ficou ... um pequeno paraíso.

terça-feira, 11 de outubro de 2016

PORTO: ENTARDECER

"Hoje" o entardecer é no Douro, com todo o Tempo que "ele merece" ...

Porto
- Vamos à Serra do Pilar??
Junto ao Mosteiro da Serra do Pilar a vista sobre a cidade do Porto é ampla e perfeita. Focando cada zona, ali está tudo ... toda a cidade vista de um só ponto.
No fim deixo um cadeado no gradeamento do miradouro e desço até ao rio.

Porto

Porto

- Vamos de teleférico??
Não ... vamos a pé, para sentir melhor ...
Vamos pelo emaranhado de ruas estreitas, e pelos degraus de pedra.

Porto


Porto

- Vamos sentar num banco junto ao rio??
Aqui temos Tempo para contemplar todos os pormenores da paisagem:
- os barcos Rebelos, com as suas pipas de vinho do Porto, ali expostos em fila dão cor e grande beleza à paisagem
- a ponte D. Luis com os seus 2 tabuleiros
- o casario da outra margem, com a Torre dos Clérigos a salientar-se lá pelo meio
- alguns barcos que se movem pelo rio

Porto

Porto

Porto

Porto

- Vamos seguir o som de "Frank Sinatra"?
Atravessamos o tabuleiro inferior da ponte D. Luis e vamos terminar o dia na Ribeira.

Porto

Porto

- E agora onde sentamos??
Na Ribeira as esplanadas e restaurantes estão repletos.
Muita gente em pé, de um lado para o outro.
Mas ainda há Espaço, bem juntinho ao Douro e em frente ao "Frank Sinatra".

- E para subir, usamos o Funicular dos Guindais??
Não. Vamos pelas Escadinhas do Codeçal.
Opssss... esta cidade tem mesmo muitos contrastes ...